Processo eleitoral: MISSÃO DA CEDEAO EXORTA AS AUTORIDADES GUINEENSES A REALIZAREM AS ELEIÇÕES LEGISLATIVAS EM 2018

Uma missão ministerial da Comunidade Económica para Desenvolvimento dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), chefiada pelo ministro nigeriano dos Negócios Estrangeiros, Geoffrey Onyeama, pediu no início da noite desta segunda-feira 05 de novembro 2018, às autoridades guineenses, que se comprometam na realização das eleições legislativas ainda este ano, 2018.

O pedido foi tornado público através de um comunicado lido na voz de presidente da Comissão da CEDEAO, o marfinense, Jean-Claude Kassi BROU. A missão, da qual faz parte também o ministro de Estado e Secretário-geral da Presidência da República da Guinée-Conakry, Naby Youssouf Kiridi Bangoura, em representação do Presidente Alpha Conde, o mediador da crise política guineense, chegou à Bissau esta manhã para se inteirar do desenvolvimento do processo eleitoral junto das autoridades guineenses.

De seguida, a  delegação reuniu-se com o Presidente da República, José Mário Vaz, bem como com o Primeiro-ministro, Aristides Gomes e com os responsáveis dos órgãos técnicos encarregues da organização das eleições, nomeadamente a Comissão Nacional de Eleições (CNE), o Gabinete Técnico de Apoio ao Processo Eleitoral (GTAPE) e os representantes das organizações internacionais (Grupo de P’5).

O presidente da Comissão da CEDEAO disse que, durante as reuniões, a delegação apreciou os esforços feitos pelos vários atores na preparação das próximas eleições legislativas. No entanto, constatou que apesar desses esforços, não se conseguiu alcançar um nível aceitável de recenseamento eleitoral dentro dos prazos previstos no cronograma, tendo em conta a insuficiência dos kits.

A missão saudou a decisão tomada pelas autoridades eleitorais em prosseguir com o processo de recenseamento eleitoral até 20 de novembro do ano em curso, pelo que convidou todos os intervenientes no processo a trabalharem no sentido de uma organização eficaz das eleições legislativas antes do final de 2018. Acrescentou ainda que, tendo em conta os prazos, uma nova data será proposta pelas autoridades guineenses em concertação com a CEDEAO.

“Comité Ministerial felicita o Presidente da República pelo progresso na preparação das eleições, o que mostra o seu firme compromisso de apoiar a realização das eleições legislativas em 2018, de acordo com as decisões da cimeira”, pode ler-se no comunicado final apresentado pelo Presidente da Comissão da CEDEAO, que entretanto, comprometeu-se em agir para que os restantes kits eleitorais sejam entregues o mais rapidamente possível.

 

 

 

Por: Assana Sambú

Foto: Marcelo Na Ritch

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa