Fim de prazo: 24 PARTIDOS POLÍTICOS GUINEENSES ENTREGAM LISTA DE CANDIDATURAS A DEPUTADO

São no total 24 formações políticas guineenses que entregaram as listas de candidatos a deputado ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ), do total de 49 partidos políticos legalmente inscritos na Guiné-Bissau.

Para além dos libertadores (PAIGC) que entregou a sua lista de candidatos na passada sexta-feira, 04 de janeiro de 2019, a maioria de formações políticas, com destaque para o PRS, o MADEM – G 15, a APU-PDGB, a FREPASNA, o PCD e a UM entregaram hoje as suas listas de candidaturas a deputado da nação ao Supremo Tribunal de Justiça.

Eis os partidos que entregaram as suas listas de candidatos a deputado: PAIGC, CD, RGB, PDD, PJRT-FD, PSD, CNA, APU-PDG, PUN, Movimento Patriótico (MP), FREPASNA, APR, MADEM-G15, PRS, Manifesto do Povo (MP), PND, UPG, PCD, UM, PUSD, MDG, PRID, PALOP e MGD.

Entretanto, o jornal O Democrata apurou, que de acordo com o cronograma eleitoral, que o STJ tem 14 dias para analisar as listas de candidatos a deputado, antes de divulgar as listas aprovadas. Ou seja, o mais tardar no 24 do mês em curso o STJ deve divulgar as listas dos partidos que reunem as condições para disputar as eleições legislativas agendadas para março.

De acordo com uma fonte do Supremo Tribunal de Justiça contactada pelo nosso semanário, tendo em conta o número de 24 partidos políticos que depositaram as suas listas de candidaturas naquela instituição judicial suprema do país, é possível que os Juízes Conselheiros do Supremo Tribunal analisem todas as candidaturas no prazo de oito dias, isto é, em uma semana.

 

 

 

Por: Assana Sambú/Aguinaldo Ampa

Foto: Marcelo Na Ritche

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa