Figura da Semana: MÉDICO JOSÉ MANUEL IN-UBA, UM FILHO QUE NÃO ESQUECEU DO SEU BERÇO

[SEMANA_S32_2019] O médico guineense, José Manuel ln-Uba é um exemplo de um filho que não esqueceu do seu berço, Bindoro, aldeia do setor de Mansoa, região de Oio no norte da Guiné-Bissau, onde tem estado a ajudar no setor do ensino há 16 anos. Além de ajudar na construção e reabilitação de edifícios escolares na sua aldeia natal Bindoro, José Manuel In-Uba suporta financeiramente o salário dos professores, permitindo assim a formação de mais de 600 crianças nativas e de tabancas vizinhas até 6ª classe.

Estas crianças deviam percorrer a pé 10 quilómetros para ter acesso à escola mais próxima na cidade de Mansoa. Na semana passada levou, para ofertar as crianças dessa comunidade onde nasceu, materiais escolares, roupas e brinquedos que angariou junto de amigos e colegas no último ano, segundo reportou a TVI.

                                                                   BIOGRAFIA 

José Manuel In-Uba natural de Bindoro, norte da Guiné-Bissau, região de Oio e setor de Mansoa. É um homem humanitário, sobretudo com a comunidade da sua tabanca, onde construiu escolas e um centro de saúde. Tem a sua própria clínica em Portugal onde formou-se e conta ainda com uma fundação com seu nome [Fundação José Manuel In-Uba].

Atualmente, José Manuel In-Uba trabalha no Centro Hospitalar do Baixo Vouga (CHBV), em Aveiro, mas sempre esteve ligado ao seu país, Guiné-Bissau. In-Uba liderou e participou de várias missões médicas-humanitárias à Guiné para oferecer consultas e tratamentos gratuitos a população guineense. 

Por: Sene Camará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa