PARLAMENTO INICIA HOJE DEBATE DO PROGRAMA DE GOVERNO

O parlamento da Guiné-Bissau tem novamente agendado para hoje, 15 de Outubro, o debate do programa do Governo, que ocupará os deputados durante três dias, depois de ter sido adiado em setembro devido a uma greve de funcionários parlamentares. Segundo a convocatória do presidente da Assembleia Nacional Popular, Cipriano Cassamá, “a sessão de apreciação da ordem do dia estabelecida pela

Eleições presidenciais: APU-PDGB CRÍTICA GOVERNO POR UTILIZAR 600 MILHÕES DE FCFA PARA A CORREÇÃO DE OMISSÕES

Assembleia do Povo Unido – Partido Democrático da Guiné-Bissau (APU-PDGB) criticou duramente o governo do qual faz parte por utilização, que considera ser fraudulenta, dos cerca de 600 milhões de Francos CFA (cerca de 915 mil euros) para a implementação da operação de correção de omissões que considera também ilegal. No entendimento daquela formação política, tem o único objetivo o

Eleições presidenciais: SUPREMO TRIBUNAL EXCLUE PROVISORIAMENTE SETE CANDIDATURAS E APROVA DOZE

O Supremo Tribunal de Justiça excluiu provisoriamente sete (7) das dezanove (19) candidaturas para as eleições presidenciais agendadas para o dia 24 de novembro próximo. Trata-se de candidatos Aladje Djimo, Armando Adepdoc Có, Nancy Germano Schwartz Okeigwe, Luís Nancassa, Nadeem Daniel dos Reis Cabral de Almada, todos independentes e Impossa Ié de Centro Democrático (CD) e Jorge de Nascimento Nonato

Opinião: PERMANENTE PRESENÇA DA CEDEAO NA GUINÉ-BISSAU: um Estado com soberania sonegada por uma organização sub-regional?

A Guiné-Bissau hoje, infelizmente (dói-me como guineense fazer essa afirmação), está na vanguarda, em sua sub-região, quando o assunto é instabilidade político-governativa. Os recorrentes impasses entre políticos (as vezes com envolvimento direto dos militares) possibilitaram, por exemplo, a eclosão do conflito de 7 de junho de 1998, um episódio da vida política, econômica e social do país para esquecer! Além

Figura de Semana

Edição Impressa