Figura da semana: EX-MILITAR QUE VIROU ESTILISTA APRESENTA MODA EM CORRES AFRICANAS EM LISBOA

A figura da semana [n°11_2021] do Jornal O Democrata é o estilista guineense, Flaviano Francisco Fonseca (Flavius Fonseca), apresentou a sua recente criação de moda em corres de África, numa das unidades hoteleiras de Lisboa, em Portugal. Foram apresentados modelos de roupa, alguns com recortes de “Pano de Pinti” da Guiné-Bissau, como também panos africanos como: Bazam riz, uden, vacks, como forma de valorização destes produtos demostrando a elegância feminina e masculina.

O jovem estilista guineense que ganhou o prémio de melhor criador Europeu de roupas femininas em França já realizou vários desfiles em Portugal, Espanha, França, Arábia Saudita, Holanda, Israel, Dubai. O estilista também já vestiu várias individualidades guineenses famosas, com destaque ao músico Patche de Rima, na produção do vídeoclip da música intitulada “Nha Noiba”.

BIOGRAFIA

Flaviano Francisco Fonseca nasceu no dia 28 de março 1970, em Bissau. Concluiu os estudos secundários em 1988. Fez serviço militar obrigatório em 1989, onde chegou a desempenhar função de financeiro em Bafatá. Licenciado em sociologia pela Universidade Moderna de Lisboa, em 2000, é mestre em design de moda e engenharia de produção têxtil industrial pela universidade de Salamanca (Espanha), em 2005. Licenciou-se também em belas Artes e Design de moda em Magestil, Lisboa de 1996 a 1998.

Iniciou o seu trabalho no mundo da moda em 2006, tendo trabalhado como designer de moda, fotógrafo, produtor de moda, booker, organizador de eventos. Já desempenhou a função de diretor criativo para seguintes marcas: Moncho Heredia, Creasur, também como subdiretor criativo para a Casting Valência e é subdiretor da marca Ícíar Candela, todas em Espanha.

Flavius Fonseca também já desenhou roupas para estilistas Portugueses, Chineses, Espanhóis, bem como para várias agências internacionais de alta-costura. É considerado pioneiro a levar para a Europa os modelos e tecidos Africanos. Montou duas lojas de roupas de marca própria (Flavius Fonseca) em Lisboa, e uma em Valência (Espanha) e uma agência de modelos africanos em Portugal. Em 2017, ganhou o prêmio de melhor criador Europeu de roupas femininas em França.

Por: Epifânia Mendonça

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.