Posted in África Reportagens

Entre desespero e esperança : GUINEENSES SENTEM-SE “CRUCIFICADOS” EM CABO VERDE E PERSISTEM NA LUTA PELA VIDA MELHOR 

Os imigrantes guineenses que escolheram a ilha de Cabo Verde à procura de uma vida melhor para as suas famílias denuncia… LER MAIS

Ler mais Entre desespero e esperança : GUINEENSES SENTEM-SE “CRUCIFICADOS” EM CABO VERDE E PERSISTEM NA LUTA PELA VIDA MELHOR 
Posted in Reportagens

Cabo Verde: ALUNOS GUINEENSES DESTACAM-SE NO DOMÍNIO DA APRENDIZAGEM E NO DESPORTO 

Os filhos de imigrantes guineenses no Município do Porto Novo, na ilha de Santo Antão, em Cabo Verde, gozam dos mesmos di… LER MAIS

Ler mais Cabo Verde: ALUNOS GUINEENSES DESTACAM-SE NO DOMÍNIO DA APRENDIZAGEM E NO DESPORTO 
Posted in Reportagens Sociedade

EMIGRANTES GUINEENSES ”IMPACIENTES” COM O PROCESSO DE OBTENÇÃO DE DOCUMENTOS EM CABO-VERDE

[REPORTAGEM] Os emigrantes guineenses residentes na ilha de Santo Antão, nos municípios do Porto Novo, Paul e Ribeira … LER MAIS

Ler mais EMIGRANTES GUINEENSES ”IMPACIENTES” COM O PROCESSO DE OBTENÇÃO DE DOCUMENTOS EM CABO-VERDE
Posted in Reportagens Sociedade

CABO-VERDE “DISPONÍVEL” PARA COOPERAR COM A GUINÉ-BISSAU NO SETOR EDUCATIVO

O ministro da Educação e Ensino Superior de Cabo-Verde, Amadeu Cruz, manifestou a disponibilidade de o seu país cooper… LER MAIS

Ler mais CABO-VERDE “DISPONÍVEL” PARA COOPERAR COM A GUINÉ-BISSAU NO SETOR EDUCATIVO
Posted in África Reportagens

Entre precariedade e resiliência: “BIDEIRAS”SENEGALESAS DE PEIXES DO PORTO DE SOUMBÉDIOUNE “ASPIRAM” MERCADO EUROPEU  

As mulheres senegalesas vendedeiras de peixes no porto artesanal de Soumbédioune, em Dacar, capital do Senega… LER MAIS

Ler mais Entre precariedade e resiliência: “BIDEIRAS”SENEGALESAS DE PEIXES DO PORTO DE SOUMBÉDIOUNE “ASPIRAM” MERCADO EUROPEU  
Posted in Reportagens

Ilhas de Uno: ESCOLAS PÚBLICAS FECHADAS POR FALTA DE CARTEIRAS 

[REPORTAGEM] O Setor de Uno, administrativamente dividido em quatro secções, Uno, Orango Grande, Orac… LER MAIS

Ler mais Ilhas de Uno: ESCOLAS PÚBLICAS FECHADAS POR FALTA DE CARTEIRAS