Liderança da federação de futebol: MUTARO BARRI E BENELÍVIO NANCASSA EXCLUÍDOS PROVISORIAMENTE DA CORRIDA

A Comissão Eleitoral do Congresso Ordinário da Federação de Futebol da Guiné-Bissau (FFGB), anunciou esta quarta-feira, 15 de julho de 2020, a lista provisória das candidaturas admitidas à liderança do órgão que dirige o futebol nacional, da qual ficaram de fora, provisoriamente, as candidaturas de Mutaro Barri e de Benelívio Nancassa Insali. 

A Comissão Eleitoral dirigido por Lino Lopes validou cinco candidaturas, entre as quais, a do presidente cessante que concorre a sua própria sucessão, Manuel Irénio Nascimento Lopes, porém aprovou as do Fernando Tavares, do Caíto Teixeira, do Paulo Mendonça e a do António Patrocínio.

Ficaram de fora as candidaturas de Benelívio Cabral Nancassa Ínsali e Mutaro Bari. Segundo a Rádio Jovem, as duas candidaturas terão sido afastadas da corrida devido a problemas relacionados com as subscrições dos clubes. Este órgão de informação não citou nenhuma fonte ligada à Comissão, apenas disse “segundo informação disponível”.

Os dois pretendentes à liderança da Federação de Futebol excluídos provisoriamente da lista têm ainda a possibilidade de sanar a questão de documentos em falta para permitir a validação das suas candidaturas.

De referir que o Congresso Ordinário da FFGB está marcado para 25 do mês em curso.


O Democrata/Radio Jovem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa