MAIS DE CINCO MIL CASAS DESTRUÍDAS POR TEMPORAIS

A Ministra da Mulher, Família e Solidariedade Social, Maria de Conceição Évora, revelou que mais de cinco mil habitações foram destruídas por temporais desde o início da época das chuvas que, provocaram avultados danos às casas.

Os dados foram revelados esta quinta-feira, 13 de agosto de 2020, depois da entrega de quatrocentas (400) folhas de chapas zinco a três famílias sinistradas pelo mau tempo em Djolo – Gabusinhu, periferias da capital Bissau.

A campanha de distribuição de chapas de zinco às famílias vítimas de mau tempo e outros fenómenos naturais iniciada no interior do país prossegue, nos próximos tempos, e é extensiva a alguns bairros da capital e arredores, anunciou a ministra da Mulher, Família e Solidariedade Social.

Depois da entrega formal dos materiais, Maria de Conceição Évora sublinhou que o gesto enquadra-se no âmbito da preocupação que o executivo tem em relação às famílias, sobretudo os temporais.

“As nossas construções são precárias e issoconstituí grande preocupação do governo neste momento, não só em relação ao apoio a essas famílias, consideradas vulneráveis, como também às outras que ficaram sem teto”, assinalou, revelando que já foram identificadas algumas casas no setor  Autónimo Bissau (SAB), tendo lembrado que o mesmo gesto “ocorreu em vários regiões do país”.

A governante informou que, até ao momento, o ministério tem recenseado mais de cinco mil (5000) casas destruídas pela tempestade. 

Na sequência de sinistros registados em Bissau e no interior do país, Maria de Conceição Évora aconselhou os cidadãos a plantarem árvores próximo às habitações para terem alguma proteção.

Por sua vez, Sábado Có Siga, uma das beneficiárias, mostrou-se satisfeita com o gesto e agradeceu o espirito de solidariedade que o governo demostrou para com as famílias vulneráveis, pedindo que o gesto seja extensivo a outras pessoas vítimas de fenómenos naturais.


Por: Carolina Djemé

Fotos: C. D

One comment

  1. Quens Fernandes disse:

    Que pena!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa