Diretor-Geral : “SISTEMA INFORMÁTICO DAS ALFÂNDEGAS ESTÁ OBSOLETO E VAI SER ADOTADO OUTRO NOVO”

O diretor-geral das Alfândegas, Doménico Sanca, anunciou na segunda-feira, 19 de abril de 2021, a mudança  do sistema informático das alfândegas “Sydonia Plus”, que já está “obsoleto”, para outro mais evoluído “Sydonia World”, sendo “uma das medidas estruturais que o Fundo Monetário Internacional (FMI) está a exigir”.

“A Guiné-Bissau estava a trabalhar com o sistema informático Sydonia Plus desde 2011 até a data presente. Há a necessidade de fazer essa reforma, migrando para outro sistema, o Sydonia World, que está a ser exigida pelo FMI”, assinalou.

Sanca falava durante a cerimónia de abertura dos trabalhos de uma Missão da Assistência Técnica da Administração Aduaneira do Congo, que está no país para fazer uma avaliação do funcionamento do sistema aduaneiro guineense. 

Doménico defendeu um sistema informático adequado, evoluído e seguro que vai permitir melhor recolha  de receitas em o todo território nacional, através de conexões e interconexões em todas as delegacias. Também prevê-se fazer conexões com sistema informático da Gâmbia e do Senegal para que se possa ter a tarefa muito mais felicitada para melhor controlo das mercadorias que às vezes entram no mercado sem desalfandegamento. 

“A cooperação Sul-Sul é extremamente importante, a realidade do Congo Brazaville é mais ou menos igual a da Guiné-Bissau, porque estamos em África. Nesta equipa transversal congolesa, alguns dos elementos já testemunharam o processo de migração dos dois sistemas no Congo, estão em condições de ajudar a equipa nacional”, sublinhou.

As informações apuradas pelo Democrata indicam que, com a adoção de novo sistema informático Sydonia World,  vai-se reduzir o tempo de desalfandegamento de mercadorias e permitir um acompanhamento online dos dossiês e consequente redução de custos com as deslocações, aquisição de impressos e a diminuição de espaço de estocagem de papéis. Estas são vantagens de digitalização dos procedimentos aduaneiros.

Por: Aguinaldo Ampa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa