Bafatá: DIRETORA REGIONAL DE PLANO REALIZA VISITAS ÀS COMITÉS DE GESTÃO FORMADOS POR TOSTAN

Entre 7-12 de Junho, Ana João Afonso Bagine, a Diretora Regional de Plano e Estatísticas junto do Ministério da Economia, Plano e Integração Regional realizou visitas de seguimento para os seis setores da região de Bafatá onde 120 comités de gestão comunitárias (CGC) que estão a ser formados pela ONG Tostan durante o mês de Junho 2021.

Este ano, a ONG Tostan lançou parcerias de desenvolvimento comunitário com 120 comunidades da região de Bafatá como parte do novo ciclo do seu Programa de Reforço das Capacidades Comunitárias (PRCC). O PRCC e composto por aulas e ações coletivas implementados pelos CGC.

TOSTAN ESPERA MAIS DE OITO MIL PARTICIPANTES DIRETOS  NAS AULAS  DE DESENVOLVIMENTO COMUNITÁRIO

As aulas são organizadas 3 dias por semana com pelo menos 50 participantes de cada comunidade e a criação. Em abril, as comunidades iniciaram o módulo Kobi 1 onde estão a aprender sobre a democracia, os direitos humanos, e o processo de resolução de problemas.

A referida ONG também apoia a criação e formação da estrutura de tomada de decisão inclusiva e participativa que é o CGC. Os CGC têm os papéis e responsabilidades de apoiar a realização da visão futura da comunidade e levar a mudança social para escala através da implementação das atividades nas áreas da governação, educação, saúde, ambiente e economia. Cada comité é composto por pelo menos 9 mulheres, 2 raparigas, e 2 rapazes e 4 homens democraticamente selecionadas pela comunidade.

Esta formação dos CGC vai beneficiar diretamente 2.040 membros das comunidades na região de Bafatá, incluindo 1.080 mulheres e 480 jovens sobre deliberação coletiva, tomada de decisão coletiva, e ação coletiva. Os participantes também vão ganhar novos conhecimentos sobre a composição, funcionamento, papéis e responsabilidades do CGC, como fazer a escolha das subcomissões do CGC, os regulamentos internos, os estilos e características de liderança, feedback e tomada de decisões participativas.

É neste quadro que a Diretora Regional de Plano, Ana João Afonso Bagine visitou as comunidades parceiras nos seis setores da região. Por alem das visitas ás comunidades, ela participou direitamente nas sessões realizadas com os CGC de Cumuda e Ponte Nova no setor de Bafatá, Galomaro Cima em Cosse, Uracande em Xitole, Saré Coba em Contuboel, e Finete em Bambadinca.

Na sua intervenção, Ana João Afonso Bagine destacou quatro objetivos das suas visitas, nomeadamente: estabelecer contatos com líderes locais e membros recém-eleitos dos CGC, saber como e por que razão os membros da comunidade escolheram os 17 membros do CGC, encorajar os membros a respeitarem os seus planos de ação e prestar conta à comunidade e criação das relações de parceria junto das ONGs e o governo local e regional.

Ana João Afonso Bagine fez uma avaliação positiva das atividades desenvolvidas pela ONG Tostan na região de Bafatá, porque “todos os objetivos preconizados no programa da Tostan estão a ser cumpridos regularmente, por exemplo, os planos desenhados para os meses de abril e maio foram executados e neste momento estamos a encerrar com “sucesso” uma ação de formação para os membros dos Comités de Gestão Comunitária, em Finete. Por isso faço uma avaliação positiva e satisfatória do programa da Tostan na região de Bafatá. O momento é de grande alegria que não se pode manifestar num só dia, porque o trabalho que está a ser desenvolvido pela Tostan tem efeitos palpáveis”, salientou.

A diretora regional de Plano e Estatística afirmou que a intervenção da Tostan nas comunidades em que atuação ajudou a “diminuir drasticamente” conflitos e violências domésticas, um dos fenómenos que têm caraterizado negativamente a região de Bafatá. “Justamente no módulo Kobi 1, que inclui a resolução de conflitos, as pessoas já estão a aprender a comportar-se e a encontrar outros mecanismos de resolver seus problemas e as suas diferenças dentro das comunidades”, enfatizou.

Por sua vez, o coordenador nacional da Tostan, Yussuf A. Sané, disse que, apesar de muitos esforços feitos pela sua equipa muita coisa ainda falta por fazer. “Aliás, apenas estamos na fase de lançamento do programa de Tostan, portanto falta muito por fazer”, ironizou Yussuf Sané.

Este ciclo do Programa de Tostan é implementado no quadro da Iniciativa Escala de Bem-Estar onde Tostan espera levar o seu programa à escala nacional, começando com a concentração estrategica na região de Bafata.

Por: redaçao

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa