AC EXORTA JUVENTUDE A LEVAR A SÉRIO A EXISTÊNCIA DA COVID-19 NO PAÍS

O secretário do Alto Comissariado para a Covid-19 (AC), Plácido Cardoso, exortou  a juventude guineense a levar a sério a existência do coronavírus no país, porque é a faixa etária mais afetada e com maior índice de contaminação.

Plácido Cardoso criticou a forma como a juventude tem estado a  ignorar a existência da Covid l-19 na Guiné-Bissau e a duvidar da eficiência da vacina. 

O secretário de AC falava esta segunda-feira, 19 de julho de 2021, durante a apresentação de dados  epidemiológicos  sobre a evolução da doença  na Guiné-Bissau.

Segundo  Cardoso,  pessoas com 25 a 34 anos de idade continuam a ser as mais afetadas pelo coronavírus na Guiné-Bissau.

Em relação aos registos, o AC anunciou que o país registou três novos óbitos por Covid-19, todos em Bissau, e 105 novos casos de 12 a 18 deste mês. O que faz subir os números de acumulados de 3.947 para 4.052, dos quais 3.706 recuperados, 73 óbitos por Covid-19, com 6 Covid-19 e 267 ativos.  

Na semana passada foram analisadas 1.890 novas amostras, 105 resultaram positivas e reapreciadas 75.

Os dados indicam que a região sanitária de Bissau registou 3.382 casos acumulados, dos quais 3.222 recuperados, 43 óbitos por Covid-19, 4 com Covid-19 e 112 ativos.

Na região de Biombo, os dados mantêm-se em 168 casos acumulados, dos quais 146 recuperados, 14 óbitos por Covid19, 2 óbitos com Covid-19 e 9 casos ativos.

A região sanitária de Bafatá tem 121 casos acumulados, dos quais 78 recuperados, 12 óbitos e 29 ativos.

A região sanitária de Gabú mantém-se com os 77 casos acumulados, dos quais 64 recuperados, um óbito e 12 casos ativos.

Na região sanitária de Cacheu, o número subiu de 84 para 96 casos acumulados, dos quais 70 recuperados, 1 óbito e 25 ativos.

Em Quinara, os números  subiram de 56 para 63 casos acumulados, dos quais 47 recuperados, 02 óbitos e 14 ativos.

A região sanitária de Farim tem 25 casos acumulados, 22 recuperados e 5 ativos.

A região sanitária de Oio teve um aumento de dez novos casos, passando de 63 para 73 casos acumulados, dos quais 29 recuperados e 44 ativos.

Na região de Tombali os dados mantêm-se em 35 casos acumulados, dos quais 18 recuperados e 17 ativos.

A região dos Bijagós tem um registo de 10 casos acumulados, dos quais 9 recuperados e um ativo.

A região sanitária de Bolama registou mais um caso, totalizando 2 casos acumulados, dos quais um recuperado e um ativo.

De acordo com o boletim epidemiológico desta segunda-feira, estão internados 15 pacientes suspeitos e as causas de internamento estão relacionadas com outras doenças.

Por: Epifânia Mendonça

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.