COLETIVO DOS PROFISSIONAIS E PROMOTORES DE SAÚDE OFERECE CADEIRAS DE RODA A DEFICIENTES MOTORES

O Coletivo dos Profissionais e Promotores de Saúde e Bem-Estar da Humanidade ofereceu esta sexta-feira, 13 de agosto de 2021, cadeiras de roda para deficientes motores e roupas usadas a centros de acolhimento de crianças com objetivo de minimizar as dificuldades que enfrentam no dia a dia.

O ato central teve lugar na sede desta organização humanitária no bairro de Alto Bandim em Bissau, no qual a ministra da Mulher, Família e Solidariedade Social, Maria da Conceição Évora, disse que apoiar quem precisa ou está limitado “é uma missão nobre”, tendo encorajado a organização para continuar a trabalhar nesse domínio, porque “há várias pessoas que precisam de apoios desse género na Guiné-Bissau”.  

A governante garantiu que o governo, através do Ministério da Mulher, Família e Solidariedade Social, contará com o Coletivo como parceiro para continuar a apoiar os mais carenciados. Acrescentou que, em breve, irão assinar um acordo de parceria com aquela organização, de forma a facilitá-la no desalfandegamento de donativos destinados aos mais carenciados.

Para o presidente do Coletivo dos Profissionais e promotores de Saúde e Bem-Estar da Humanidade, Miguel Marçal da Silva, a organização necessita do apoio do executivo guineense no desalfandegamento de contentores com donativos nos portos e nas Alfândegas de Bissau, cujos processos, às vezes, levam muito tempo, devido à  burocracia.

Por seu lado, o líder comunitário, Joaquim Barbosa, pediu ao responsável do Coletivo dos Profissionais e Promotores de Saúde e Bem-Estar da Humanidade para continuar a apoiar os deficientes motores em diferentes bairros da capital e no interior do país.

Por: Aguinaldo Ampa

Foto: A.A    

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.