CAN2021: COVID-19 NÃO DÁ TRÉGUA À SELEÇÃO DE FUTEBOL DA GUINÉ-BISSAU

A menos de 24 horas para o jogo frente à seleção do Egito, referente à segunda jornada no Campeonato Africano das Nações a decorrer nos Camarões, mais quatro elementos da comitiva da seleção de futebol testaram positivo à Covid-19 e são baixas confirmadas para o jogo de amanhã.

Trata-se do guarda-redes, Maurice Gomis, do avançado Joseph Mendes, do selecionador nacional, Baciro Candé, e um dos seus adjuntos, o português Orlando Machado. As informações foram divulgadas pelos jornalistas desportivos nacionais que estão nos Camarões a acompanhar a seleção e pelo gabinete da comunicação da Federação de Futebol do país (FFGB).

Candé estará ausente da partida de sábado (15.01.2022)  frente ao Egipto e será substituído pelo selecionador adjunto Emiliano Té, numa partida considerada crucial para a permanência das duas seleções na maior competição do futebol em África.

Gomis e Mendes, que foram titulares no jogo da primeira jornada frente ao Sudão, estão agora em isolamento e provavelmente serão substituídos no jogo por Jonas Mendes, já recuperado da Covid-19, e Frédéric Mendy.

Na rotina de testes efetuados pela Confederação Africana de Futebol (CAF) à comitiva dos “Djurtus” em Garoua, os três jogadores recuperam da doença e já vão integrar o grupo. Trata-se de Jonas Mendes, Jorginho Íntima e Leonel Alves, contudo, há a possibilidade desses jogadores poderem competir após um teste de resistência aos pulmões que deverão ser submetidos ainda hoje num hospital.

 Os jogadores Nanu, Alfa Semedo e Mimito Biai continuam positivos. A seleção nacional vai realizar esta tarde a última sessão de treinos para o jogo frente aos faraós, às 18h30, em um dos estádios da cidade de Garoua.

A Guiné-Bissau empatou a zero diante do Sudão no jogo de estreia do grupo D do CAN’2021. O principal objetivo da Guiné-Bissau é chegar aos oitavos de final da Taça das Nações Africanas, um lugar que nunca alcançou nas  duas anteriores participações na fase final do CAN (Gabão e Egito).

Por: Alison Cabral

Foto: @Arquivo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.