Legislativas de 18 de dezembro: TIMOR-LESTE  APOIA A GUINÉ-BISSAU NO RECENSEAMENTO ELEITORAL 

O vice-ministro da Administração Estatal de Timor-Leste, Lino de Jesus Torrezão, anunciou esta segunda-feira, 01 de agosto de 2022, que seu país vai apoiar o processo eleitoral na Guiné-Bissau, particularmente na realização do recenseamento de raiz.

O chefe da missão de avaliação do apoio para o recenseamento eleitoral falava à saída de uma audiência com o Presidente da República, Umaro Sissoco Embaló.

A missão está no país para fazer o levantamento de necessidades junto da Comissão Nacional das Eleições (CNE) e do Gabinete Técnico de Apoio ao Processo Eleitoral (GTAPE).

“Nós sabemos que em 2014 houve um recenseamento e em 2018 também. As indicações do chefe do governo é que haverá  um recenseamento de raiz, por isso estamos cá para fazer o levantamento das necessidades”, disse.

As eleições legislativas foram marcadas para 18 de dezembro de 2022, após a dissolução do Parlamento em maio. 

Torezão alertou que “o prazo é curto e temos que acelerar os trabalhos para a concretização do processo”. 

Por: Epifânia Mendonça

Foto: Cortesia da Presidência 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.