Presidente Sissoco: “GUINÉ-BISSAU OCUPA UM LUGAR DE RESPEITO E DA CREDIBILIDADE NO SEIO DA COMUNIDADE INTERNACIONAL”

O Presidente da República, Umaro Sissoco Embaló, afirmou esta quarta-feira, 24 de maio de 2023, que a Guiné-Bissau ocupa um lugar de respeito e da credibilidade no seio da comunidade internacional, graças às ações e dinâmicas inovadoras empreendidas no plano regional, continental e internacional.

Umaro Sissoco Embaló falava na cerimónia de lançamento da primeira pedra para construção do novo edifício do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Cooperação Internacional e das Comunidades, no centro da cidade, ao lado dos correios.

Segundo o arquiteto da obra, Fernando Teixeira, o edifício a ser construído será uma infraestrutura moderna de quatro pisos, com uma área construída de 750 metros quadrados em cada piso e foi pensado para conter todas regalias que um ministério deve ter, como também nos seus quatro andares diferentes departamentos e divisões, gabinetes de trabalho, eventos e outras salas necessárias.  Possuirá elevadores, varandas diversas escadas, uma garagem interna para três viaturas e estacionamento exterior para 30 viaturas.     

De acordo com as informações disponíveis, o edifício de quatro andares é orçado em 4 milhões de dólares americanos e a obra terá uma duração de 24 meses.

No seu discurso, enfatizou  que o edifício que vai albergar o ministério dos negócios estrangeiros “é mais uma ilustração do esforço que as autoridades deste país estão a fazer com vista a conferir à diplomacia guineense a importância e o destaque que merece”.

O Chefe de Estado afirmou que o mundo acredita na Guiné-Bissau, que perante diversas manifestações de confiança decidiu continuar a desempenhar um papel de relevo no concerto das nações em prol da paz e da estabilidade da sub-região, África e o resto do mundo.

Umaro Sissoco Embaló frisou que nos últimos três anos conseguiu dar novo impulso à diplomacia guineense e criar as condições para a realização dos objetivos concretos do desenvolvimento, através de uma cooperação mutuamente benéfica com países amigos que têm manifestado a sua disponibilidade em apoiar a Guiné-Bissau.

Para a ministra dos Negócios Estrangeiros, Cooperação Internacional e das Comunidades, Suzi Carla Barbosa, a infraestrutura moderna, eficiente e sustentável tanto a nível económico como ambiental, irá disponibilizar não só uma melhoria da qualidade dos serviços integrados no Ministério dos Negócios Estrangeiros, bem como minimizar os custos recorrentes e proporcionar melhor partilha e racionalização dos serviços.

Por: Aguinaldo Ampa

Foto: Marcelo Na Ritche

Author: O DEMOCRATA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *