PRESIDENTE DA FIFA AFIRMA QUE GUINÉ-BISSAU TEM TALENTOS COM PAIXÃO PELO FUTEBOL

O presidente da Federação Internacional das Associação de Futebol (FIFA), Gianni Infantino, afirmou esta segunda-feira 07 de janeiro de 2019, que a Guiné-Bissau tem talentos com paixão pelo futebol, razão pela qual a FIFA vai trabalhar, em colaboração com a Federação de Futebol guineense e as autoridades nacionais, que para desenvolver o futebol e as infraestruturas desportivas do país.

Gianni Infantino falava à imprensa a saída de uma audiência com o Chefe de Estado, José Mário Vaz, no Palácio da República, no âmbito da sua visita à vários países da sub-região (CEDEAO), cujo o objetivo é estabelecer contatos com as federações e as autoridades desses países, tendo já passado pelo Senegal, pela Guiné Conacri, Guiné-Bissau e seguirà para a Gâmbia e Togo.

Em declarações à imprensa,  Gianni Infantino disse que nos próximos meses, a FIFA em colaboração com a Federação de Futebol da Guiné-Bissau, vai definir com exatidão os projetos para o desenvolvimento do futebol e as infraestruturas locais porque  “a Guiné-Bissau é um país de futuro”.

“Visitamos a Guiné-Bissau no último ano do nosso mandato porque é um país importante não só para a Federação Internacional de Futebol como também para mim enquanto Presidente. Estamos a trabalhar fortemente para fazer funcionar o futebol em todo o mundo e neste sentido, a Guiné-Bissau pode ser um exemplo, sobretudo para a África”, espelhou.

Aquele responsável da instituição que rege a futebol mundial informou que a FIFA apoia o país em recursos financeiros, apoios focalizados em projetos concretos, mas a Guiné-Bissau continua a necessitar de infraestruturas nomeadamente campos de Futebol, centros técnicos e de um estádio grande como símbolo do país.

Por seu lado, o presidente da Federação de Futebol da Guiné-Bissau (FFGB), Manuel Irene Nascimento Lopes (Manelinho), agradeceu ao Gianni Infantino e sua equipa pelo apoio prestado à Guiné-Bissau, mostrando o dinamismo e interesse da FIFA em desenvolver o futebol guineense e as infraestruturas de que este tanto necessita para atingir um lugar de excelência no futebol mundial.

“É primeira vez que um presidente da FIFA visita a Guiné-Bissau e estamos sem palavras devido a satisfação que nos abalou com essa visita. Vamos trabalhar com a FIFA e sincronizar a ideia sobre os projetos do desenvolvimento de futebol no país, sendo que é a razão da sua visita ao país”, enfatizou Manelinho.

 

 

 

Por: Aguinaldo Ampa

Foto: Cortesia da Presidência da República

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa