Campanha eleitoral 2ª volta: SISSOCO CRITICA UTILIZAÇÃO DE MILHARES DE DÓLARES PARA CAMPANHA ELEITORAL NUM PAÍS COM ENORMES DIFICULDADES

O candidato do Movimento para Alternância Democrática (MADEM-G15), Úmaro Sissoco Embaló, criticou aquilo que considera de “exagero”, pela utilização de milhares de dólares num país em que as pessoas vivem com enormes dificuldades financeiras.

Embaló fez esta crítica durante a sua declaração aos jornalistas, depois de uma passeata feita pela diferentes ruas da capital Bissau para assinalar a abertura da campanha eleitoral para a segunda volta das eleições presidenciais agendadas para o dia 29 do mês em curso.

Úmaro Sissoco Embaló voltou a apelar o maior civismo por parte dos seus eleitorados e às pessoas que o apoiam, aconselhando que ignorem ataques ou agressões verbais durante a campanha eleitoral.

Embaló prometeu lutar para que haja a justiça no país e que a mesma seja acessível à toda a população guineense, garantindo uma luta sem tréguas ao narcotráfico na Guiné-Bissau.

Lamentou a falta de escolas, cuidados sanitários adequados e o atraso registado no pagamento de salários aos funcionários públicos, porque “as pessoas usaram o dinheiro de Estado na campanha eleitoral a favor dos seus candidatos”.

“Hoje primeiro dia da campanha eleitoral para a segunda volta, lancei uma campanha na base de juventude com um slogan “geração de concreto” que começa desde o pragmatismo, a confiança e o saber fazer,  o que regulamenta a minha maneira de ser e de saber fazer ara solucionar os problemas que existem”, contou, para de seguida afirmar que ganhará o escrutínio do próximo dia 29 com 60 por cento de votos. 

Por: Carolina Djemé

Foto: C.D

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa