Figura da semana: EMPREENDEDORA GUINEENSE GANHA A TERCEIRA POSIÇÃO NO CONCURSO DO OAPI

Batista Fonseca “B&F”, marca criada em 2014 pela engenheira informática Nérida Batista Fonseca, conseguiu alcançar o terceiro lugar na terceira edição do concurso da Organização Africana de Propriedade Intelectual (OAPI), na categoria de Marcas Regionais de 2021, que foi divulgado recentemente e no qual participaram 125 marcas de 17 países africanos. B&F é a empresa da Nérida Baptista Fonseca do ramo de acessórios de moda com Pano de Pinte, pano tradicional da etnia pepel, da Guiné-Bissau. 

O concurso visa incentivar e motivar empresas sobre a importância de registar as marcas no OAPI, uma organização criada com objectivo de fomentar a cooperação entre os países membros e a partilha de interesses comuns em matéria de propriedade industrial. Apesar dosdesafios enfrentados, a “B&F” conseguiu a proeza de qualificar-se entre as 11 marcas, recebendo a premiação. A “B&F” ficou atrás das marcas das empresas como Grupo Azalay do Mali e Nelson Solar de Burquina Faso. Um dos critérios utilizado pela OAPI tem a ver com a análise do nível da organização das marcas participantes no evento, o seu impacto na sociedade no país onde foi criada, as inovações que foram introduzidas, o beneficio para a sociedade e mais-valia para o país onde opera.

Biografia

Nérida Baptista Fonseca nasceu em Bissau no dia 04 de Julho de 1975, onde iniciou o seu percurso escolar no Jardim Teresa Bandinca. Mais tarde, seguiu para escola António José de Sousa, onde concluiu o primário. Após a conclusão da fase primária, Baptista Fonseca frequentou 5º e 6º anos no liceu Salvador Allende. Copncliu o seu ensino liceal, a décima primeira classe, no Liceu João XXIII, depois ter passado pelo Liceu Nacional Kwame Nkrumah.

De 2001 a 2007 fez engenheira informática em Itália, na Faculdade de Engenharia de Pádua, mais tarde em Trieste. Ao regressar ao seu país natal, a empreendedora trabalhou na empresa de telecomunicações MTN, de 2008 a 2016.  Em 2014 criou a sua própria empresa, a Batista & Fonseca, que se dedica à produção e comercialização de acessórios de moda e decoração a partir de elementos tradicionais da cultura guineense – o pano de pinti.

Este artigo tradicionalmente associado às cerimónias fúnebres e matrimoniais das etnias pepel e manjaca, adquire novas formas e funções nas criações da Nérida Fonseca. A junção destes dois elementos foi bem-sucedida, graças à sua capacidade enquanto autodidacta e ao aprendizado da costura no meio familiar, o que lhe permitiu aliar o design contemporâneo ao saber tradicional do “Pano de Pinti”.

Por: Alison Cabral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Figura de Semana

Edição Impressa