Boletim de Covid-19 : ALTA COMISSÁRIA ANUNCIA QUE A GUINÉ-BISSAU ATINGE 43.225 PESSOAS VACINADAS

A Alta Comissária para a Covid-19, Magda Robalo Silva, anunciou esta segunda-feira, 30 de agosto de 2021, que a Guiné-Bissau já vacinou  quarenta e três mil  e duzentas e vinte e cinco (43.225) pessoas,  desde abril passado, numa altura em que  os dados indicam que o país registou de 5.766 casos de acumulados de infeções, dos quais 117 resultaram em óbitos.

Os dados foram revelados na habitual conferência de imprensa sobre a evolução epidemiológica da covid-19 na Guiné-Bissau.

Magda Robalo explicou que das 43.225 pessoas vacinadas, 15.389 foram administradas a vacina da marca Jonhson & Jonhson, 3.000 com a Sinopharm e 20.710 tomaram a primeira dose da AstraZeneca, das quais apenas 4 mil tomaram a segunda dose e as restantes não se apresentaram às brigadas ou aos postos para tomar a segunda dose.


Perante esses dados, a  Alta Comissária  exortou  a todos os cidadãos a vacinarem-se de forma a garantir a sua imunidade.

“É convém tomar tardiamente a segunda dose do que não tomá-la. Apelamos que não sejam misturadas as vacinas de marcas diferentes” alertou.  

Robalo revelou que o governo já adquiriu, pela quarta vez, os kits de teste da Covid-19, com fundos próprios, através das cobranças de testes dos viajantes, por um preço de vinte e cinco mil (25.000) francos FCA.

O Alto Comissariado alertou que a variante “delta” é a mais predominante no país, de acordo com um estudo feito de 23 de julho a 08 deste mês.  Pediu o maior cumprimento das medidas de prevenção por parte de toda a população, tendo em conta o nível de contágio que a nova variante tem na Guiné-Bissau.

Magda nega que sua instituição tenha desviado máscaras faciais contra a covid-19 para fins financeiros.

“Não executamos a distribuição, nem o seu armazenamento”, assinalou.

De acordo com o boletim semanal  divulgado esta segunda-feira, foram registados,  de 23 a 29 de agosto, 248 novos casos,  dos quais 14 óbitos e 189 recuperados, totalizando 5.766 casos acumulados. Destes,  4.780  foram recuperados, 117 óbitos por Covid-19, 06 óbitos com Covid-19 e 863 ativos. No universo de 863 ativos, apenas 44 pessoas estão internadas.

Foram também analisadas, segundo os mesmos dados,  1.922 novas amostras e destas 248 resultaram como positivo e foram reapreciadas 213 amostras.

O boletim indica que a região sanitária de Bissau registou 4.398 casos acumulados, dos quais 4. 003 recuperados, 68 óbitos por Covid-19, 4 com Covid-19 e 322 casos ativos.

A região sanitária de Oio, que atualmente é a segunda região com mais casos de Covid-19 a nível nacional, tem um um registo  de 288 casos acumulados, dos quais 123 recuperados, 06 óbitos e 159 casos ativos.

A região de Biombo registou, até aqui, 246 casos acumulados, dos quais 184 recuperados, 19 óbitos por Covid19, 2 óbitos com Covid19 e 44 ativos.

A região de Cacheu tem um relato, em de registo, de 202 casos acumulados, dos quais 112 recuperados, 02 óbitos e 89 ativos.

Na  região sanitária de Bafatá  dados da Covid-19 indicam que a segunda capital tem um número de 171 casos acumulados, dos quais 108 recuperados, 15 óbitos e 46 ativos. 

A região dos Bijagós registou 145, dos quais 16 recuperados, um óbito no boletim  semanal  divulgado na última semana   e  ainda tem um registo de 128 ativos.

A região sanitária de Gabú registou 125 casos acumulados, dos quais 78 recuperados, quatro óbitos e 43 ativos.

A região de Quínara tem 91 casos acumulados, dos quais 63 recuperados, 02 óbitos e 25 ativos. A região de Tombali tem um total de 71 casos acumulados, dos quais 64 recuperados e 07 ativos.

Dados da região sanitária de Farim mantêm 27 casos acumulados, todos recuperados. A região sanitária de Bolama continua a gerir os únicos 02 casos acumulados, todos recuperados.



Por: Epifânia Mendonça

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.