Boletim Covid-19: ALTO COMISSARIADO ANUNCIA A VACINAÇÃO DE 13% DA POPULAÇÃO ALVO

O Secretário do Alto Comissariado para a COVID-19, Plácido Cardoso, anunciou esta segunda-feira, 27 de setembro de 2021, que foi atingido o nûmero de cem mil guineenses vacinados, correspondendo a 13% da população alvo (mais de 18 anos) a vacinar contra a covid-19.

Plàcido Cardoso acrescentou que dos 13% da população já vacinada, 4% não receberam ainda as doses completas (AstraZeneca e Sinopharm).

Por isso, apelou a esse grupo para completarem a dose, particularmente as do sexo feminino.

O Alto Comissariado admite ter dificuldades na gestão de dados relativamente à vacinação, a nível nacional. Contudo perspetiva atingir 70% da população, de forma a garantir a imunidade do grupo.

O anúncio foi feito na habitual apresentação da situação epidemiológica do vírus no país, na qual Cardoso disse que, apesar da adesão notável da população à vacinação, a sua instituição não atingiu ainda a meta perspetivada.

O semanário O Democrata soube que está em curso uma negociação entre o governo, a iniciativa Covax e Banco Mundial para aquisição de 300 mil doses da vacina Johnson, para garantir com que a população tenha completa a vacina numa única dose.

Cardoso explicou que está no país, um grupo de peritos da Organização Mundial de Saúde (OMS) para a avaliação e diagnóstico de cinco fábricas de oxigénio, nomeadamente as do Hospital Nacional Simão Mendes, a do Hospital de Cumura, a do Hospital Pediátrico de Bor, a do Hospital Militar e da Clínica Madrugada, através de um projeto de 3 anos, avaliado em um milhão de dólares americanos, que perspetiva construir um centro com maior capacidade de produção de oxigénio no país. 

De acordo com os dados divulgados nesta segunda-feira, foram registados, durante a semana de 20 a 26 deste mês, 22 novos casos, cinco óbitos e 56 recuperados, elevando o total acumulado para  6,103 casos, dos quais 5,290 recuperados, 135 óbitos por covid, 6 óbitos com covid e 672 ativos. 

E também de 20 a 26 deste mês foram analisadas 1033 novas amostras e reapreciadas 60.

Relativamente ao boicote no centro de tratamento de covid-19 no hospital Simão Mendes, Plácido Cardoso disse que o Alto comissariado não recrutou nenhum outro técnico para além dos que foram capacitados para tratar e combater a doença da covid-19, acreditando que continuará a prevalecer “o bom senso”, de forma a enfrentar a crise pandémica.

O boletim indica que a região sanitária de Bissau registou 4,542 casos acumulados, dos quais 4, 290 recuperados, 78 óbitos por Covid-19, 4 com covid-19 e 169 casos ativos. A região sanitária de Oio registou 362 casos acumulados, dos quais 176 recuperados, 6 óbitos e 180 ativos.

A região de Biombo registou 269 casos acumulados, dos quais 217 recuperados, 24 óbitos por Covid19, 2 óbitos com Covid19 e 29 ativos. A região de Cacheu registou 226 casos acumulados, dos quais 149 recuperados, 2 óbitos e 76 ativos.

A região sanitária de Bafatá registrou 183 casos acumulados, dos quais 126 recuperados, 16 óbitos e 39 ativos. A região dos Bijagós registou 179 acumulados, dos quais 67 recuperados, 2 óbitos e 110 ativos.

A região sanitária de Gabú registrou 132 casos acumulados, dos quais 102 recuperados, 4 óbitos e 26 ativos. Foram vacinadas 660 pessoas e a sua população é de 286,452. A região de Quínara registou 100 casos acumulados, dos quais 69 recuperados, 02 óbitos e 28 ativos. Na região de Tombali tem 81 casos acumulados, dos quais 65 recuperados, um óbito e 15 ativos.

A região sanitária de Farim mantém o registo de 27 casos acumulados, todos recuperados. A região sanitária de Bolama registou 2 acumulados, todos recuperados.

De acordo com Alto Comissariado, estão internados no centro de tratamento da covid-19, 9 pacientes dos quais cinco em estado grave.   

Por: Epifânia Mendonça

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.