BISSAU E PRAIA INICIAM TRABALHOS DE IMPLEMENTAÇÃO DA LINHA DE TRANSPORTE MARÍTIMO

O ministro do Mar de Cabo Verde, Paulo Lima Veiga, disse esta segunda-feira, 13 de setembro 2021, que as delegações técnicas de Cabo-verde e da Guiné-Bissau efetuaram neste final de semana uma visita aos portos de Bissau e de Bubaque no quadro da implementação  de um acordo de cooperação rubricado pelos dois governos sobre a linha de transporte marítimo (Bissau e ilhas) de cargas e passageiros.

Para Paulo Lima, apesar de alguns desafios constatados a nível das infraestruturas portuárias, ainda existem condições para prosseguir com a implementação do projeto que visa a ligação marítima entre Bissau e o arquipélago dos bijagós.

O governante cabo-verdiano falava à saída da audiência com o Presidente da República, Úmaro Sissoco Embaló.



Paulo Lima Veiga considerou  profícuo o encontro e disse que o Presidente Sissoco manifestou a disponibilidade da Guiné-Bissau, através do governo, para ultrapassar esses desafios.

Paulo Lima Veiga explicou que durante as visitas no terreno um dos desafios é a variação da maré, que chega a 5 metros de altura nas ilhas.

Apesar desses desafios, o governante cabo-verdiano assegurou que  os tipos de embarcações que utilizam no seu país adequam-se às marés da Guiné-Bissau, porque são embarcações nas quais as cargas são enroladas, ou seja,  são transportadas  dentro de carros. 

“As rampas devem estar em condições para permitir a saída de carros e garantir  soluções técnicas.

Revelou que a implementação desse projeto é previsto em duas fases: a primeira, que é a mais imediata,  deve durar três ou  quatro meses e a segunda fase mais extensa que inclui estudos e planeamento do desenvolvimento das estruturas necessárias para dar respostas às necessidades do país em termos de transportes marítimo entre as ilhas e Bissau.

Frisou neste particular que Cabo- Verde e Bissau vão alargar a cooperação à formação de técnicos a nível do mar e turismo, revelando que planeiam também fazer uma ligação marítima direta entre Bissau e Praia para  fortalecer as economias dos dois países.

Por: Epifânia Mendonça
Foto. Cortesia da Presidência da República  

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.