CONGRESSO DE JAAC ADIADO PARA 3 DE DEZEMBRO

O Conselho Central da Juventude Africana Amílcar Cabral (JAAC) adiou o terceiro (III°) Congresso ordinário daquela estrutura juvenil do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC).

O Congresso tinha sido marcado para os dias 26 a 28 de novembro, mas uma fonte junto da JAAC informou a O Democrata que o pleito eleitoral foi adiado para os dias 3 a 5 de dezembro deste ano.

O confidente de O Democrata explicou que o adiamento deve-se ao facto de os preparativos e as conferências da JAAC devem ser analisados na reunião do Comité Central do PAIGC [órgão máximo entre os congressos] a ter lugar no próximo dia 27 de novembro de 2021.

No final da reunião, adianta a fonte, serão tomadas “importantes decisões” para a vida da JAAC, nomeadamente a questão de eleição de dois secretários regionais para o Setor Autónomo de Bissau: Sidónio da Silva e Assein Atessuno Silva.

Os preparativos do congresso e as conferências têm suscitado polémica e acusações de interferências de alguns dirigentes do partido no processo, com o intuito de “favorecer” um determinado candidato.

Até aqui manifestaram intenção de concorrer à liderança da JAAC, o secretário geral cessante, Dionísio Pereira, o responsável de relações públicas cessante, Akssumi Luís Có, e o antigo porta-voz do Movimento dos Cidadãos Conscientes e Inconformados, Lesmes Monteiro.

Por: Tiago Seide

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.